terça-feira, 18 de novembro de 2008

Papai Noel existe!


A magia do Natal traz com ele a figura do bom velhinho, o querido Papai Noel. Para muitas crianças esta fantasia nunca existiu; outras no fundo do coração sabem que é de mentirinha, mas preferem fazer de conta que acreditam nesta figura simpática e outras acreditam de verdade no velhinho gorducho de barbas brancas.
Minha filha ainda era pequena e uma coleguinha de escola contou que Papai Noel era os próprios pais. Quando fui buscá-la na escola, assim que entrou no carro, me fez a pergunta com muita expectativa e ao mesmo tempo os olhinhos mostravam medo e decepção.
- Papai Noel existe?
Respondi a ela que existia sim, no nosso coração. Que o Papai Noel, o velhinho de barba branca, barrigudo de roupa vermelha e saco cheio de presentes, era como nas historinhas de faz de conta, mas ele representava todos os sentimentos (amor, paciência, respeito...) bons que devemos ter para com os outros e o saco de presentes tudo que desejamos (brinquedos, roupas, livros, jogos...) para nós e aos outros. Dependia dela querer ou não que ele existisse, se ela acreditasse com o coração, então ele existia, assim como ela acreditava no Papai do Céu. Vi que que os olhinhos dela brilharam, que consegui apagar aquele ar de decepção, mas isso só foi possível porque sempre vivemos e comemoramos o Natal como um dia de festa e celebração e não somente de troca de presentes.
Passamos o Natal em Goiânia na casa dos meus pais, a família é quase só de adultos mas ainda tenho uma sobrinha de 10 anos. Na noite de Natal depois das orações e ceia, todos nós colocamos os nossos sapatos na árvore de Natal a espera da lembrancinha do Papai Noel. A magia continua, aqueles presentes representam todas as graças e bençãos recebidas durante o ano que está chegando ao fim. Podemos dizer com muita alegria, Papai Noel existe!

Passeando pelos sites encontrei esta carta que foi escrita há 110 anos que fazia exatamente esta pergunta, "Papai Noel existe?", achei bastante interessante o que o editor escreveu, uma resposta dada com muito amor e sabedoria, e resolvi mostrar aqui no "Cafezinho das Cinco".


A carta foi publicada por Dr. Alexandre Feldman em 04 de dezembro de 2007.

Papai Noel existe?

"Caros amigos,
A seguinte Carta ao Editor foi enviada há 110 anos, por uma menina de 8 anos de idade, para o importante jornal novaiorquino The Sun. Veja abaixo a carta e a resposta do editor, que traduzi livremente. Faço dela a minha mensagem de Natal para todos vocês.
Feliz Natal e um Ano Novo sem dores de cabeça, em todos os sentidos!
Alexandre Feldman e família."


Prezado Editor,
Tenho 8 anos de idade.
Alguns dos meus pequenos amiguinhos dizem que Papai Noel não existe.
Papai me disse: “Se você ler tal informação no jornal The Sun, então é verdade”.
Por favor, diga-me a verdade:
Papai Noel existe?
Virginia O’Hanlon


A resposta foi publicada pelo jornal no dia 21 de setembro de 1897:

Virginia, seus amiguinhos estão errados. Eles foram afetados pelo ceticismo de uma era cética. Eles não acreditam a não ser no que vêem. Eles acham que nada pode existir que não seja compreensível por suas pequenas mentes.

Todas as mentes, Virginia, tanto dos adultos quanto das crianças, são pequenas. Neste nosso grande universo, o homem é um mero inseto, uma formiga, em seu intelecto, comparado com o mundo sem limites ao seu redor, e medido pela inteligência capaz de captar toda a verdade e conhecimento.

Sim, Virginia, Papai Noel existe. Ele existe com a mesma certeza que existe o amor, a generosidade e a devoção; e você sabe que eles existem em abundância e dão à sua vida o mais alto grau de alegria e beleza. Ai de nós, que triste seria o mundo se Papai Noel não existisse! Seria tão triste quanto se não existissem Virginias. Nesse caso não existiria a fé inocente e sincera, nem a poesia, nem o romance para tornar tolerável essa vida. Nós não teríamos prazer e alegria, a não ser pelos sentidos e pela visão. A luz eterna com a qual a infância preenche o mundo seria apagada.

Não acreditar em Papai Noel! Isso seria tão absurdo quanto não acreditar em fadas! Você poderia fazer seu papai contratar homens para espiar todas as chaminés na véspera de Natal para avistar o Papai Noel, mas ainda que eles não vissem o Papai Noel descendo, o que isso provaria? Ninguém vê o Papai Noel, mas isso não é sinal de que Papai Noel não existe. As coisas mais reais do mundo são aquelas que nem as crianças, nem os homens, podem ver. Você alguma vez já viu fadas dançando no gramado? É claro que não, mas isso não é prova de que elas não existem. Ninguém pode conceber ou imaginar todas as maravilhas que não são vistas ou são invisíveis no mundo.

Você pode destruir o chocalho de um bebê e ver aquilo que produz o som dentro dele, porém existe um véu que encobre o mundo invisível, que nem o homem mais forte, nem a soma das forças de todos os homens mais fortes que já viveram até hoje, é capaz de destruir. Somente a fé, a fantasia, a poesia, o amor e o romance podem transpor essa cortina e ver, capturar o cenário paradisíaco de glória e beleza que está além. Tudo isso existe? Ah, Virginia, nesse mundo não há nada que seja mais real e duradouro.

Dizer que papai Noel não existe! Papai Noel existe, e viverá para sempre! Graças a Deus! Mesmo daqui a mil anos, Virginia - não: mesmo daqui a dez vezes dez mil anos, ele continuará a alegrar o coração da infância.

8 comentários:

Kennia Cristina disse...

Lindo, papai noel está em cada um de nós. Bjux

Neyma disse...

Luciana miha querida,
Que texto lindo, que historia linda!! Adorei!!
Claro que Papai Noel existe!! Ele representa o espirito de Natal, o amor, a solidariedade, a amizade, a caridade e muitos outros sentimentos que devemos cultivar durante todo o ano, mas que afloram nesta epoca com mais força e intensidade, como se nos recarregássemos deles nesse epoca para usarmos sempre.
Adorei querida!!
Muitos beijinhos

Mari Azevedo disse...

Lu querida, que coisa mais linda... sua história me deixou muito emocionada... cheguei a ficar com os olhos cheios de lágrimas! Sou uma manteiga derretida... e sim, acredito em Papai Noel!
Beijosss

Miss Slim disse...

Que texto lindo.

Papai noel deveria estar em cada um de nós, mas hoje em dia prevalece mais o consumista que outra coisa.

No entanto gosto de pensar que papai noel existe em cada um de nós :)

Bjo

Lenise disse...

Mulher!
Seu blog é maaaaara!Adorei!
Muiiiito parabéns! Virei sempre dar uma espiadinha! =)

*-._.-* Anita *-._.-* disse...

Luciana, simplesmente lindo o texto... que resposta maravilhosa, faz pensarmos em tudo o que somos e o que sentimos...bem que estes sentimentos poderiam ser duradouros o ano inteiro....adorei, parabéns!

bjsssssssssssss

Rata de Cozinha disse...

Que linda mensagem!

Um beijo grande.

Correio Natalino disse...

Sim, Papai Noel existe sim. Você quer receber uma carta do Papai Noel? Você quer que seu filho receba uma carta do bom velinho?

Vocês precisam conhecer o site www.correionatalino.com.br que é um site onde o Papai Noel envia uma carta impressa para as crianças!

Vamos manter a magia do Natal acesa!