quarta-feira, 23 de abril de 2008

Sabor do Nordeste.

Cada região tem sua própria culinária. Receitas que traduzem a história e costumes de um povo, mas algumas atravessam o país de norte a sul.
O nordeste é famoso pela sua cozinha rica em sabores e temperos diversos, ingredientes marcantes que imprimem uma identidade em cada prato preparado. Um dos mais conhecidos é a carne de sol sempre acompanhada de feijão verde, queijo coalho, mandioca cozida e paçoca, tudo regado com manteiga de garrafa. Preparar esta que é considerada uma comida típica brasileira é sempre um prazer.

Carne-de-Sol Assada no Leite
Carne-de-Sol
A carne-de-sol fiz assada no leite integral cru. Lavei a carne e coloquei em uma assadeira. Acrescentei uma quantidade de leite suficiente para tampar todo o fundo da assadeira sem cobrir a carne totalmente. Levei ao forno e depois de alguns minutos virei a carne para que assasse por igual. Deixei no forno até que ela estivesse macia.
Caso a carne esteja salgada é necessário deixá-la de molho na água de um dia para o outro trocando a água várias vezes.

Acompanhamentos
Feijão Verde
O feijão verde cozinhei em água e sal. Quando já estava cozido, temperei com refogado de gordura, sal, cebola picadinha, pimenta do reino e cheiros verdes. Deixei ferver um pouco para que não ficasse com muito caldo.
Queijo Coalho Assado
O queijo coalho simplesmente levei ao forno para corar e derreter, somente com a chama superior acesa, durante o tempo suficiente para criar uma crostinha dourada.
Mandioca
Cozinhei a mandioca em água e sal até que estivesse bem macia.
Farofa
O idela seria fazer uma paçoca, mas fiz uma farofa de farinha de mandioca passada na manteiga e uma pitada de sal.
Manteiga de Garrafa
A manteiga de garrafa servi à parte e usei como um molho sobre os pratos. O sabor é muito especial.




Para conhecer melhor os ingredientes usados na culinária nordestina preparei algumas informações.

Carne-de-Sol
É um método de conservar alimentos de origem animal, salgando e secando ao sol peças de carne, em geral bovina. Apesar do nome "carne-de-sol", hoje ela é raramente exposta ao sol no processo de desidratação; ao contrário ela é deixada em locais cobertos e bem ventilados, permitindo uma secagem gradual e controlada.
Se quiser saber mais htpp://wikipedia.org

Queijo Coalho
O queijo de coalho figura entre as iguarias típicas da culinária nordestina e seu processo de fabricação é baseado na simples coagulação do leite e na prensagem da massa. Contrariando a sua forma simples de produção, a sua utilização é um tanto quanto variada, podendo ser consumido fresco, assado ou como ingrediente em diversos pratos regionais.
Se quiser saber mais www.cienciadoleite.com.br

Manteiga de Garrafa
Ela é o molho preferido do nordestino. Essa manteiga líquida é conhecida por manteiga de garrafa. É um produto artesanal, sem controle das etapas de produção. Tem quase 100% de gordura, mas ninguém sente-se culpado por consumi-la. Combina com carne seca, macaxeira, feijão verde e tem um sabor maravilhoso. Com essa manteiga, que é totalmente artesanal, se faz um queijo delicioso: o queijo de manteiga. Não se sabe ao certo a origem, mas estudos indicam que, na África, tem um produto parecido chamado de ghee ou butteroleo.

Feijão Verde
Diversas variedades de feijão podem ser consumidas verdes, ou seja, antes do grão secar, conhecido como feijão verde ou feijão em vagem. Vale ressaltar que o feijão verde tem um valor nutricional totalmente diferente do grão seco, aliás, nem são classificados na mesma categoria. Na forma verde ele tem características semelhantes a de legumes. Na forma seca, aí sim o feijão é classificado como uma leguminosa.
Se quiser saber mais http://www.azeite.com.br/

29 comentários:

laila disse...

isso sim q ´banquete!!1 um manjar dos deuses...fiquei babando por td e amei a maneira de assar a carne de sol! bjs

goles & nacos disse...

esse prato é para se comer rezando!
me mordendo aqui, de tanta vontade!

beijinhos!
ps.: o leite e a carne despertaram minha curiosidade!

Fabi disse...

Simplesmente adoro comida nordestina! O seu banquete (como disse a Laila) está simplesmente o máximo! Beijos!

Laurinha disse...

Adoro queijo coalho...hummmmm, delícia!
Beijinhos,

Fabrícia disse...

Eu quero essa manteiga de garrafa.....me lembrou de quando íamos no Xique-Xique.....
Bjcas.

Sabrina disse...

Que delícia, me deu até fome!!!!
Pena que por aqui não tem essas coisas.
Bjs

Receitas da Filipa disse...

Que delícia de banquete... Quanta comida gostosa!
A carne feita dessa maneira deve ficar super saborosa.

beijinhos

Eliana Scaramal disse...

Essa é uma comida que me encanta! Uma delícia!

Silvia Arruda disse...

Eu não como carne seca, mas adorei os acompanhamentos, como feijão verde, queijo coalho e mandioca!

Elvira disse...

Um dia, irei até ao Nordeste para saborear essas delícias! :-)

Beijos.

*-._.-* Anita *-._.-* disse...

Imagem linda! Sem comentários...
Pena eu não gostar muito de carne de sol... hehehe... Mas que tá de dar água na boca, isto tá!

bjsssssssss

Vina disse...

Que boa lição de culinária tipicamente brasileira ou, neste caso, nordestina!! Que vontade de saborear todas essas iguarias! Gostava muito de poder conhecer esses produtos que vocês usam aí e que por aqui eu nem faço idéia do que seja! Obrigada pela partilha, querida Luciana, e também pela visita ao meu cantinho. Beijos.

Leo disse...

sacanagem. agora deu saudade de casa. vc não sabe como eu ando atrás de comprar um feijão verde aqui em SP. bj.

Gourmandise disse...

AI! Que mesa! Qtos sabores... o bom do Brasil ser tão gde é q os costumes e alimentos ficam assim tão diversificados!
bjo,
Nina.

Geórgia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Geórgia disse...

Show! Comida para nordestino nenhum botar defeito, tudo de bom. Parabéns! Bjs.

anna disse...

É tão bom conhecer hábitos e costumes diferentes dos nossos...
Adoraria provar essa carne!
Beijocas.

Axly disse...

Nossaaaaaa que delícia é essa?!
Essa carne deve ficar divina... Jesus amado!
E eu amoooo queijo!
Fiquei babando aqui... quase lambi o monitor.
Hhahahahah...
Kisss^^

Nani disse...

Tanta comida digna de um festim :)

Gi disse...

Ah!! o sabor do Nordeste nos deixou com água na boca! Comida apetitosa, toda uma cultura envolta nesse banquete!
beijinhos!!

cozinha da drica disse...

Lú al´me da aula amei de paixão a receita e estas fotos estão de matar! Bjks

Leila disse...

Lu, duas semana atras fui jantar na casa de uns amigos e ele é ingles mas a esposa brasileira. tu acreditas que ele trouxe queijo coalho do Brasil e ele assou para mim comer. nossa, matei aquela saudade enorme que eu tinha.
beijinhos

lunalestrie disse...

Tudo de bom, só coisa boa! :)

Nereime disse...

Que comidinha mais convidativa essa sua...amo os pratos nordestinos!!!
bjk

monica disse...

Nunca provei alguns dos ingredientes desta receita, mas o aspecto é maravilhoso, bjinhos

Aline Neme disse...

Lu,

Só faltou uma coisa: Euzinha aí!!!!

Meu Deus... que loucura... acho que fui nordestina em outra vida!!! Amo tudo que está aí!!!!

Bjundas

Ana disse...

Tudo muito gostoso e bem explicadinho.

Beijo.

iliane disse...

Luciana..fala serio!!!!menina..tô de agua na boca só em vêr esse seu post!!!adoro tudo que tem ai...que maravilha..não sobrou nadinha?rssss..amei amiga...

Bete disse...

Nossa que delícia!
Essas delicias me trouxe lembranças das férias que passei pelo nordeste.Estive em várias cidades: Natal, Fortaleza, Macéio... e comi muita comidinha gostosa.Fiquei com água na boca.
Bjs!!!